Polícia Federal realiza operação de combate a comercialização ilegal de madeira no Pará


Reprodução/PF

Nesta quarta-feira, 15, a Polícia Federal, em conjunto com a Receita Federal e o IBAMA, deflagrou a Operação Micélio, que visa combater a comercialização e transporte ilegal de madeira de essência amazônica originária do Pará e destinada ao Rio Grande do Norte e Paraíba. Durante a operação, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão em Tomé-Açu e um Belém.

No total, cerca de 67 policiais estão cumprindo 10 mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª Vara da Justiça Federal/RN nas cidades de Natal/RN, Parnamirim/RN, Belém/PA, Tomé-Açu/PA e João Pessoa/PB.

A investigação teve início em 2019 e busca desvendar a origem da madeira comercializada e ocultada nas transações por donos de lojas que atuam nesse ramo de negócio e que supostamente agem praticando fraude e consequentemente lavagem de dinheiro. Os fatos investigados buscam também revelar detalhes de todo esse processo ilegal de corte, transporte e aquisição da madeira com essência amazônica de origem ilícita, cujos crimes são previstos nos artigos 38, 39, 46 e 50 da Lei de Crimes Ambientais.

Fonte: Roma News 

0 Comentários